O Ministério Público Federal no Paraná (MPF/PR) denunciou o empresário Walter Faria, dono da cervejaria Petrópolis, e mais duas pessoas por 12 crimes de lavagem de dinheiro. Segundo os investigadores, os acusados teriam recebido de operadores financeiros US$ 3,69 milhões (cerca de R$ 15,14 milhões) em contas secretas mantidas na Suíça entre 2006 e 2007. Faria, um dos homens mais ricos do Brasi, tem patrimônio estimado em US$ 2,8 bilhões (R$ 11,5 bilhões) pela revista “Forbes”.
.