Sobre a possibilidade do Congresso aprovar uma lei impedindo que juízes de primeira instância determinem medidas drásticas contra políticos, como prisão, quebra de sigilos bancário e telefônico, além de busca e apreensão (projeto do deputado Luiz Flávio Gomes (PSB-SP), o advogado Luiz Fernando Pereira fez a seguinte declaração :

– Contra a maioria, eu concordo. O ativismo indevido do STF andou onde não deveria andar. O tema é do Congresso. A volta do foro especial cogitado é cirúrgica. O grosso do problema foi resolvido pelo Supremo (ainda que em movimento ativista indevido).