Em junho do próximo ano o ministro Marco Aurelio Mello completa 30 anos de nomeação para o Supremo Tribunal Federal (STF). Marco Aurélio chegou ao STF pelas mãos do seu primo e então presidente da República, Fernando Collor de Mello. Antes, ele estava no Tribunal Superior do Trabalho (TST), nomeado pelo então presidente Joao Figueiredo em 10 de setembro de 1981.

No último sábado, dia 17, quem completou 30 anos de Supremo foi o decano do tribunal, ministro Celso de Mello. Nomeado pelo então presidente José Sarney, Celso de Mello completará 75 anos – idade limite para permanência no serviço ativo – em 1 de novembro de 2020. Com a sua aposentadoria, o ministro Marco Aurélio passará à condigo de deca no. Ficará nesta posição até 12 de julho de 2021 quando também atingirá a idade limite de 75 anos.

Com a aposentadoria de Marco Aurélio o seu colega Gilmar Mendes – que está no STF desde 20 de junho de 2002 – assumirá o posto de decano. Sua aposentadoria por idade somente ocorrerá em 30 de dezembro de 2030. Gilmar não chegará a completar 30 anos de STF.