Por conta da recomendação de distanciamento social em razão da pandemia do Covid-19, a cerimônia de posse do ministro Luis Roberto na presidência do TSE, na próxima segunda-feira (25), será realizado de forma inédita no tribunal, com uma mesa virtual de autoridades.

Somente estarão presencialmente no plenário do TSE a atual presidente da Corte, ministra Rosa Weber; os ministros Barroso e Fachin, que tomarão posse de seus cargos; e o ministro Luís Felipe Salomão, escolhido para dar boas-vindas ao novo presidente em nome da Corte.

Eles estarão a mais de dois metros de distância um do outro, respeitando as medidas sanitárias, e adotarão os cuidados necessários para proteção de todos. A plateia do plenário estará vazia.

Os demais três ministros que compõem atualmente o TSE – Og Fernandes, Tarcísio Vieira e Sérgio Banhos – e as autoridades que tradicionalmente estariam na mesa de honra participarão de forma virtual.