Dentista da Seleção Brasileira em quatro Copas do Mundo, Mário Trigo Hermes de Loureiro,
falecido em Brasília no dia 02 de junho de 2008, aos 96 anos, era carismático e foi uma espécie de talismã nos mundiais, tamanha sua simpatia e bom humor.

Foi casado com Vanilde Shirley Mantovani Trigo de Loureiro, com quem teve dois filhos, ambos advogados em Brasília: Mário Hermes Trigo de Loureiro Filho e Márcio Herley Trigo de Loureiro.

Natural de São Paulo, onde nasceu em 02 de agosto de 1911, Mário Trigo foi quem demonstrou aos atletas que focos dentários têm poder para debilitar todo o corpo, causando demora na recuperação de lesões. Atuou nas Copas do Mundo de 1958, 1962, 1966 e 1970. Apenas na Copa do Mundo de 1958, extraiu 118 dentes de 33 pessoas, entre jogadores e membros da comissão técnica.