Jornalista no eixo Brasília-Rio de Janeiro.

Mentira no Tribunal

O autor de uma ação trabalhista que pediu indenização e uma pensão vitalícia em decorrência de um suposto acidente de trabalho acabou condenado a pagar multa de R$ 4,5 mil por litigância de má-fé. Para a juíza Julieta Elizabeth Correia de Malfussi, que julgou o caso na 4ª Vara Trabalhista de Florianópolis, o autor faltou com a verdade ao alegar ter sido vítima de acidente de trabalho.

Arranjos familiares

A Escola Judicial do TRT5 (Ejud) na Bahia promoverá, no próximo dia 15 de julho, das 10 às 12 horas, aula sobre ‘Laços e desenlaces na contemporaneidade – as transformações na estrutura familiar, as novas configurações familiares e seus efeitos sobre as formas de subjetivação na atualidade’, no auditório do Fórum do Comércio, 11º andar.…

Tampinhas no Tribunal

A Justiça do Trabalho gaúcha já arrecadou mais de 4 mil tampinhas plásticas na campanha promovida em parceria com o projeto Tampart. O recolhimento vai até 19 de dezembro, em coletores dispostos na Galeria do Foro Trabalhista de Porto Alegre e no saguão do prédio do edifício sede. Qualquer tipo de tampinha plástica pode ser depositada, como, por exemplo, as utilizadas em embalagens de refrigerante, óleo de cozinha, produtos de limpeza, pasta de dente, entre outras.

Aluno deficiente

O Estado de Goiás terá de contratar um profissional especializado em Língua Brasileira de Sinais (Libras) para acompanhar um aluno deficiente auditivo de Senador Canedo. A decisão é da 3ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), que considerou o direito do jovem à educação escolar pública, nos termos do voto do juiz substituto em segundo grau Fernando de Castro Mesquita.