Jornalista no eixo Brasília-Rio de Janeiro.

TST elege Cristina Peduzzi

O Tribunal Superior do Trabalho elegeu a ministra Maria Cristina Peduzzi para presidir a Corte e o Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT) no biênio 2020-2022. O vice-presidente será o ministro Vieira de Mello Filho e o novo corregedor-geral será o ministro Aloysio Corrêa da Veiga. A ministra será a primeira mulher a presidir o TST. A posse da nova direção se dará em sessão solene no dia 19/2/2020.

Eliminação de processos

O Tribunal de Justiça do Pará (TJPA) publicou no Diário da Justiça edital de ciência de eliminação de processos judiciais. O edital torna público que, após 45 dias da data de sua publicação, procederá a eliminação de cartas precatórias e agravos de instrumento. Os interessados, no prazo estipulado pelo edital, poderão requerer o desentranhamento de documentos ou cópias de peças dos processos, mediante petição com a respectiva qualificação e demonstração de legitimidade do pedido.

Na conta do Bradesco

O Banco Bradesco S/A foi condenado a pagar uma indenização no valor de R$ 5 mil por danos morais em favor de Josefa de Lima Camelo, que teve seu nome incluído indevidamente no cadastro de inadimplentes em virtude de suposto débito no valor de R$ 103,78 referente a um contrato que teria assinado com a instituição. A sentença é da juíza Andressa Torquato Silva, da 2ª Vara Mista de Guarabira (PB).