Jornalista no eixo Brasília-Rio de Janeiro.

A candidatura Silvio Santos

O ano de 1989 representou um importante momento na vida política brasileira, pois se realizaram eleições diretas para a Presidência da República, após quase 30 anos sem voto direto para esse cargo. Coube ao ministro Francisco Rezek, mineiro de Cristina, em Minas Gerais, presidir com maestria o TSE na eleição que foi realizada em dois turnos, nos dias 15 de novembro e 17 de dezembro daquele ano.

Novos representantes no CNJ

Dois magistrados federais tomaram posse como novos conselheiros do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). O desembargador federal do Tribunal Regional Federal da 5ª Região, Rubens Canuto, e a juíza federal do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1), Candice Galvão, assumiram as vagas indicadas pela Justiça Federal em cerimônia no Superior Tribunal de Justiça (STJ), em Brasília.

Interior do país domina arbitragem

Cinco árbitros de futebol que se destacam a cada rodada do Campeonato Brasileiro ou que deixaram a carreira recentemente nasceram no interior do pais. O ex-árbitro Leonardo Gaciba da Silva e atualmente trabalhando como chefe de arbitragem da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) é de Pelotas, no Rio Grande do Sul.

Caso Villela

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou pedido de anulação da decisão que determinou que a arquiteta Adriana Villela seja submetida a julgamento pelo Tribunal do Júri do Distrito Federal. Ela é acusada de ser a mandante do assassinato do pai, José Guilherme Villela, ex-ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), da mãe, Maria Villela, e da empregada da família, Francisca Nascimento Silva, em 2009, em Brasília. A sessão de julgamento está marcada para começar em 23 de setembro.