Jornalista no eixo Brasília-Rio de Janeiro.

Vagas no CNJ

Estão abertas inscrições para preenchimento de duas vagas no Conselho Nacional de Justiça (CNJ), destinada a desembargadores dos Tribunais de Justiça dos Estados e do Distrito Federal e dos Territórios e aos juízes de direito. A indicação será feita pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

Processo civil em debate

O advogado brasiliense Marconni França está em Florianópolis (SC) participando do II Congresso Brasileiro de Processo Civil, no auditório do Centro de Convenções, promovido em uma parceria da Escola Nacional da Advocacia (ENA) com a seccional da OAB catarinense e o Instituto Brasileiro de Direito Processual. Paralelamente, é realizado o V Congresso de Processo Civil de Florianópolis. Cerca de 3.000 inscritos participam dos dois eventos que terminam amanhã (26).

Uma mulher no comando

O dia 23 de julho de 2019 ficará na memória da advocacia catarinense. Com o Plenário da Seccional lotado, a advogada militante de Jaraguá do Sul e secretária-geral adjunta da Seccional catarinense, Luciane Mortari, assumiu no período de licença do presidente Rafael Horn, a interinidade da presidência que também será exercida em alternância pelo secretário-geral Eduardo de Mello e Souza.

Dados falsos

O servidor do INSS Celso Milli da Cunha foi condenado pela Justiça Federal no Rio Grande do Norte por inserir dados falsos no Cadastro Nacional de Informações Sociais. A fraude, que consistiu em informar tempo de serviço inexistente para Valdina Guerra da Silva, gerou um prejuízo aos cofres públicos no valor de R$ 103.289,29.