Jornalista no eixo Brasília-Rio de Janeiro.

Novo presídio

O sexto presídio federal de segurança máxima no país deve ter suas obras iniciadas em janeiro do próximo ano no município de Iranduba, no Amazonas. A previsão é que a construção dure cerca de 1 ano e seis meses. O terreno foi escolhido pelo Ministério da Justiça por ter as vias de acesso pavimentadas, distância de 50 km de um aeroporto e estar próximo a um hospital e a um batalhão da Polícia Militar.

Tv Supremo

Juristas comentam a crítica do ex-presidente do TST, ministro Almir Pazzianotto Pinto a sessões do Supremo Tribunal Federal transmitidas pela TV, alterando a conduta de ministros. Álvaro Quintão- presidente do Sindicato dos Advogados do Rio de Janeiro: O ministro Almir Pazzianotto tem Razão! Pior do que a triste constatação feita pelo Ministro é o fato…

Convênio com banco

O presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), desembargador Gilberto Marques Filho, assinou hoje (9) convênio com o Banco Itaú para pagamento de pessoal. O contrato teve valor de R$ 25 milhões, montante que será destinado para a construção do estacionamento vertical, via Fundo Especial de Reaparelhamento e Modernização do Poder Judiciário…

Estado de Direito

“Um empresário preso porque pagou propina não é coisa de Estado policial, e sim de Estado de Direito”, disse o ministro Luis Roberto Barroso, do STF no Fórum sobre “Combate à Corrupção e Compliance”, promovido pela Escola Brasileira de Direito (Ebradi), em São Paulo.