Celas ao ar livre

Celas ao ar livre, os chamados “gaiolões”, como o de Barra do Corda, no Maranhão, onde um comerciante morreu na segunda-feira (09), existem em várias delegacias do Estado, inclusive em São Luis, e são do conhecimento das autoridades há anos. A afirmação é do presidente da Associação dos Delegados de Polícia do Maranhão (Adepol), Marconi…

Veja mais

“Gaiolões” do Maranhão

A Comissão de Direitos Humanos da OAB condenou o uso dos “gaiolões” como celas e a permanência indevida de presos em delegacias de polícia do Maranhão. A Ordem considera a morte do comerciante Francisco Edinei, que ficou preso por quase dezoito horas numa cela ao ar livre na delegacia de Barra do Corda, na região central do estado, como um fato gravíssimo.

Veja mais

Morte de juiz federal

O juiz federal Ricardo Nohra Simões foi encontrado morto no apartamento em que morava no município maranhense de Bacabal, a 240 km da capital São Luis, na noite desta quinta (12). A esposa do magistrado acionou a Polícia Militar depois de não conseguir entrar em contato com o marido pelo celular. Após exame no Instituto Médico Legal (IML), a morte foi atribuída a fulminante infarto no miocárdio.

Veja mais