“É preciso afastar as maçãs podres”

Há 35 anos – no dia 25 de setembro de 1984 – Paulo Costa Leite, um promissor advogado, gaúcho de Porto Alegre, torcedor “doente”do Internacional, morador de Brasília, tomava posse como ministro do então Tribunal Federal de Recursos (TRF). Com a criação do Superior Tribunal de Justiça (STJ) pela Constituinte de 1988, Costa Leite, passou a integrar o novo tribunal. Em abril de 2000, com 51 anos, cercado de expectativas de juízes, advogados e funcionários, tomou posse na presidência do segundo mais importante tribunal do país.

Veja mais

Quinto da Advocacia no STJ

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) é, atualmente, dirigido por dois ministros oriundos do Quinto Constitucional da Advocacia: o presidente Joao Otávio de Noronha, e a vice de Minas Gerais, Maria Thereza de Assis Moura. Sao oriundos da advocacia os seguintes ministros: Antonio Carlos Ferreira (SP), Sebastião dos Reis Junior (MG) e Ricardo Cueva (SP).

Bolsonaro precisa aprovar

Caso o Congresso aprove e o presidente da República sancione a criação do novo Tribunal Regional Federal, com sede em Belo Horizonte (MG), o tribunal será formado por 18 novos desembargadores federais. Desse total, três serão oriundos do Quinto Constitucional da Advocacia e do Ministério Público.

Veja mais