Candidaturas laranjas

Por maioria de votos, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu manter a cassação e a inelegibilidade de seis vereadores eleitos em 2016 na cidade de Valença do Piauí (PI). Eles foram acusados de se beneficiar de candidaturas fictícias de mulheres que não chegaram sequer a fazer campanha eleitoral.

Veja mais

Equilibrio mundial

O ex-presidente nacional da OAB Nacional, Marcus Vinicius Furtado Coêlho, que está em Moscou participando de Conferência do Brics sobre livre concorrência, disse hoje (18) que o evento demonstra a importância dos Brics para o equilíbrio mundial, buscando a integração para a melhoria da vida de nossos povos.

Veja mais

Conferência do Cade em Moscou

O presidente do STJ, ministro João Otávio Noronha, o ex-presidente nacional da OAB, Marcus Vinicius Furtado Coêlho e o Ouvidor Geral Adjunto do Conselho Federal da OAB, Rodrigo Badaró Castro estão em Moscou participando de Conferência do BRICS sobre livre concorrência, que é o agrupamento formado por cinco grandes países emergentes – Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. Juntos, eles representam cerca de 42% da população, 23% do PIB, 30% do território e 18% do comércio mundial.

Veja mais

Cannabis Medicinal na OAB

Com a participação do ex-presidente nacional da OAB, Cezar Britto, o Conselho Federal da entidade dos advogados irá promover amanhã (18), a partir das 14 horas, de debate no auditório da entidade sobre Cannabis Medicinal – direito, saúde e regulação. A solenidade de abertura será feita pelo secretário-geral do CFOAB, José Alberto Simonetti.

Veja mais

Caso Daniela Perez

O ex-ator e assassino Guilherme de Pádua completará 50 anos de idade no próximo dia 2 de novembro. Natural de Belo Horizonte, o assassino da atriz Daniella Perez, em 28 de dezembro de 1992, no Rio de Janeiro, foi condenado a 19 anos e 6 meses de prisão em janeiro de 1997, por homicídio qualificado, com motivo torpe. Guilherme cumpriu menos de 7 anos na cadeia. Saiu da prisão em outubro de 1999, ou seja, está há 20 anos fora da cadeia.

Veja mais

Eleição de 1989

Presidida pelo então ministro Francisco Rezek, a eleição presidencial de 1989 teve seu primeiro turno realizado em 15 de novembro (data que marcava o centésimo aniversário da proclamação da República) sendo a 25.ª eleição presidencial do Brasil. No total, 22 candidatos a Presidente e 22 a Vice-presidente do Brasil concorreram na eleição. Os principais candidatos à presidência foram: Fernando Collor de Mello (PRN, atual PTC), Luís Inácio Lula da Silva (PT), Leonel Brizola (PDT), Mário Covas (PSDB), e Paulo Salim Maluf (PDS, atual Progressistas).

Veja mais

Igualando oportunidades

O Procuradora-Geral do Trabalho nos biênios 2003 a 2007 e conselheira do CNJ no biênio 2009/2011, Sandra Lia Simón teve a oportunidade de conhecer, no último final de semana, em Brasília, o curso “Igualando oportunidades Trabalho e Cidadania”, destinado a jovens negras e negros do Distrito Federal.

Veja mais

Emmanoel no CNJ

O ministro Emmanoel Pereira, do Tribunal Superior do Trabalho, tomou posse como conselheiro do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) em cerimônia realizada no TST. Ele assume a vaga anteriormente ocupada pelo ministro Aloysio Corrêa da Veiga para mandato de dois anos.

Veja mais