Indios gaúchos

Pelo menos cinco lavouras de trigo e aveia foram incendiadas por índios que invadiram propriedades em Sananduva e Cacique Doble, no Rio Grande do Sul. O ataque aconteceu no domingo (20) e o grupo, com cerca de 100 indígenas, é uma retaliação contra a prisão de um cacique que estaria envolvido em crimes, entre eles, um homicídio. O cacique, segundo testemunhas, é conhecido por andar armado e por ameaçar moradores da região. Um outro indígena que também estaria relacionado a crimes está foragido. Eles alegam que as terras atacadas pertenceriam a eles.

Veja mais

Invasão de prédios públicos

A Câmara vai discutir o Projeto de Lei 6495/2016, apresentado pelo deputado Sóstenes Cavalcante (DEM/RJ) que torna crime invadir irregularmente prédio ou instalações públicas por mais de 48 horas, ainda que parcialmente, ou neles permanecer sem autorização. De acordo com o texto, independentemente da razão ou motivo fundante, “perturbando ou impedindo a as atividades neles…

Veja mais

Agressão a mulher

O retrato da violência contra a mulher no Distrito Federal assusta. São 16 mortes registradas por feminicídio em 2016, uma morte a cada 20 dias. Outras 11.087 sofreram agressões de janeiro a outubro. São três a cada duas horas. A cada 10 casos de violência doméstica, pelo menos seis agressores atribuem o ocorrido ao uso…

Veja mais

Relações Igreja-Estado

O presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), desembargador Cleones Cunha, lançou, o livro “Relações Igreja-Estado”, durante a solenidade de aniversário dos 30 anos da Escola Superior da Magistratura do Maranhão (Esmam), na Associação dos Magistrados do Maranhão (AMMA), no Calhau. Fruto de um trabalho de pesquisa e estudo, o livro “Relações Igreja-Estado” é…

Veja mais