Queimada no escorregador

Uma criança deve ser indenizada pelo Serviço Social da Indústria (Sesi) em R$ 15 mil, por danos morais, porque sofreu queimaduras de segundo grau ao usar um escorregador do clube Sesi, em Muriaé (MG). A decisão é da 9ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), que reformou sentença da 4ª Vara Cível de Muriaé.

Veja mais

Um ilustre desconhecido

O advogado paranaense Alberto de Paula Machado era vice-presidente da OAB Nacional. A sessão plenária estava apinhada de conselheiros e de advogados. Alberto presidia momentaneamente a sessão quando o tema em debate esquentou entre os conselheiros. No fundo do Plenário, no espaço destinado aos convidados e público em geral – a sessão é pública –…

Veja mais