Álcool e morte no trânsito

A Justiça do Rio de Janeiro determinou a prisão temporária de Karla Vasconcellos de Almeida pelo prazo de trinta dias. Ela dirigia alcoolizada um Polo prata na noite de quinta-feira, na contramão da Estrada do Catonho, sentido Realengo, quando atingiu a moto de Jonatan Lima, de 24 anos, torcedor do Flamengo — o jovem não resistiu aos ferimentos. O laudo prévio de alcoolemia aponta o uso de bebida alcoólica e que ela não tinha “condições de condução do veículo”.

Veja mais

O voto de Toffoli

Caso o presidente do STF, ministro Dias Toffoli defenda no seu voto o início do cumprimento da pena após os recursos no STJ, é possível que os demais ministros mudem o entendimento para acompanhá-lo em nova interpretação do artigo 283 do Código de Processo Penal (CPP), que diz: “Ninguém poderá ser preso senão em flagrante delito ou por ordem escrita e fundamentada da autoridade judiciária competente, em decorrência de sentença condenatória transitada em julgado ou, no curso da investigação ou do processo, em virtude de prisão temporária ou prisão preventiva”.

Veja mais