Desembargador afastado

O desembargador Mauro Campello deve se afastar imediatamente de suas funções no Tribunal de Justiça de Roraima até o trânsito em julgado de ação penal que o condenou à perda do cargo. A decisão é da Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça.

Tráfico de ecstasy

O potiguar Allan Estruzani Ferreira Mendes, 19 anos, residente em Curitiba, foi condenado pela Justiça Federal do Rio Grande do Norte a seis anos seis meses e 17 dias de prisão. Ele foi flagrado, em abril deste ano, transportando 5,629 kg de substância usada na fabricação da pílula conhecida como ecstasy. O material apreendido é suficiente para produzir 75.053 pílulas de ecstasy. O valor médio de comercialização dos comprimidos é R$ 50,00, ou seja, a carga seria equivalente a R$ 3,75 milhões. O rapaz havia embarcado em Bruxelas, na Bélica, passou por Portugal e desembarcou no Aeroporto Internacional de São Gonçalo do Amarante, no Rio Grande do Norte, quando foi preso.

Veja mais