Direito Global
blog

Cármen e os 27 presidentes

A presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministra Cármen Lúcia Antunes Rocha, se reuniu hoje (09) com os presidentes dos 27 Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) para tratar de assuntos relativos às eleições municipais, uma vez que faltam menos de 60 dias para o pleito. Na reunião, os presidentes das Cortes Eleitorais decidiram ainda, tomar medidas necessárias à manutenção dos serviços da Justiça Eleitoral, a fim de que a greve dos servidores não comprometa o cronograma das Eleições 2012.

O primeiro turno das eleições está marcado para o próximo dia 7 de outubro e a ministra Cármen Lúcia mais uma vez reafirmou que está à disposição de todos os TREs para ouvir e auxiliar em qualquer dificuldade que seja manifestada. A presidente do TSE também confirmou que pretende se reunir com os presidentes de TREs mensalmente para acompanhar mais de perto a rotina nos estados, até o término do seu mandato.

Ela também orientou os presidentes sobre a impossibilidade de empréstimo das urnas eletrônicas durante esse período. Normalmente, a Justiça Eleitoral cede urnas eletrônicas para uso de entidades de classe e até mesmo de governos estrangeiros, sendo, às vezes, também emprestadas para treinamento de eleitores. Mas a ministra esclareceu que um protocolo de 2009 determina que as urnas não podem ser emprestadas nos 120 dias que antecedem as eleições e também após o pleito eleitoral.

Além disso, o TSE está atualizando as urnas eletrônicas para o seu pleno aproveitamento em todas as eleições. Ao invés de adquirir grande número de novos equipamentos necessários nos pleitos oficiais, deixando sem uso parte daqueles inadaptados aos sistemas que vão sendo atualizados, o Tribunal decidiu atualizar as urnas, preparando todas as máquinas para o seu permanente uso. (site do TSE)

clica