Direito Global
blog

Corrupção na praia

Quem for à praia de Ipanema e na Lagoa, no Rio de Janeiro, amanhã (30), poderá conciliar seu lazer com a adesão a uma campanha crescente contra a corrupção. Por iniciativa de membros do Ministério Público Federal (MPF) e de alguns cidadãos voluntários, a campanha “10 medidas contra a corrupção” coletará assinaturas de apoio em dois endereços muito frequentados pelos cariocas: posto 9 de Ipanema (das 9h às 16h) e na Lagoa, na altura do Corte do Cantagalo (das 9h às 17h). A expectativa dos coordenadores do projeto, idealizado pelo MPF como uma campanha de adesão popular, é alcançar, até a Semana da Pátria (7/9), pelo menos 500 mil assinaturas favoráveis a mudanças legislativas contra a corrupção e a impunidade. Entre outros efeitos, as medidas buscam: agilizar a tramitação das ações criminais e de improbidade administrativa; converter a corrupção de altos valores em crime hediondo aumentando as penas; criminalizar o enriquecimento ilícito; alterar o sistema de prescrição; e responsabilizar partidos e criminalizar a prática do caixa 2. As medidas foram propostas pela Força-tarefa da Lava-Jato a partir de lições acumuladas pelo MPF ao investigar e denunciar casos de corrupção de todos os portes.

clica