Direito Global
blog

Uma mulher no STF

A ministra Carmén Lúcia Antunes Rocha será a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF). A cerimônia de posse será amanhã (12), às 15h. Cármen Lúcia foi indicada para o Supremo em 2006 pelo então presidente Luiz Inácio Lula da Silva, na vaga deixada por Nelson Jobim.

Foi a primeira mulher a presidir o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e é a segunda a presidir o STF – a primeira foi a ministra Ellen Gracie, no biênio 2006-2008. Em sua última sessão da Segunda Turma, a ministra falou como irá comandar o novo cargo e defendeu a união do Poder Judiciário. “O Supremo é um só. O Poder Judiciário no Brasil tem que voltar a ser um só, hoje são vários. Acho que, juntos, somos muito mais”, afirmou.

Cármen Lúcia é natural de Montes Claros (MG). É bacharel em Direito pela PUC Minas (1977), mestre em Direito Constitucional pela UFMG e especialista em Direito da Empresa pela Fundação Dom Cabral.

clica