Direito Global
blog

140 anos de prisão

Após denúncia efetuada pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso, por meio da Promotoria de Justiça Criminal de Juína, o Poder Judiciário condenou a mais de 140 anos de prisão três homens acusados de sequestrarem e matarem uma família na região. Eles cumprirão pena pelos crimes de extorsão, extorsão mediante sequestro com resultado morte e estupro. A sentença foi proferida pelo juiz de Direito Vagner Dupim Dias. Os réus Jânio de Souza Meirelles e José Carlos Luz Lopes foram condenados a mais de 146 anos de prisão, já Carmo Júlio de Souza teve sua pena estipulada em mais de 140 anos.

clica