Direito Global
blog

Para não dizer que não falei das flores

Do ex-presidente do Conselho Federal da OAB e da OAB de Sergipe, Cezar Britto: “Para não dizer que não falei da presença da polícia federal dentro do Congresso Nacional, sem autorização parlamentar ou do STF.

Quando a advocacia me concedeu a honra da representação nacional, em episódio que guarda certa semelhança, externei, após reunião com o então presidente da Câmara dos Deputados, que era um “precedente gravíssimo” a presença da Polícia Federal dentro do Congresso Nacional.

Disse mais: “O Parlamento tem uma simbologia muito forte: ele é a casa da cidadania”’, “O Parlamento é sagrado, as pessoas não; elas podem ser investigadas, mas na forma da lei”, “com autorização do Supremo Tribunal Federal, o que não foi o caso”.

Ainda penso assim, pois quando o poder das armas entra no parlamento, em qualquer lugar do mundo, a democracia sai pelas portas do fundo”.

clica