Direito Global
blog

Não vai sobrar ninguém

Executivos da empreiteira Odebrecht, investigada na Operação Lava Jato, começaram a assinar acordos de delação premiada com a força-tarefa de procuradores que investiga desvios na Petrobras. Os termos dos acordos estão sob sigilo e os detalhes não serão divulgados. Pelo menos 130 políticos de todos partidos fariam parte das denúncias. No mínimo, 20 governadores e ex-governadores também estariam envolvidos. Advogados e delatores de cerca de 60 investigados se encontram na Procuradoria Geral da República.

clica