Direito Global
blog

CNJ investiga desembargador

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) abriu uma investigação contra o desembargador Ivan Sartori, do Tribunal de Justiça (TJ) de São Paulo, por sua conduta no julgamento de recurso sobre o massacre do Carandiru, em que 111 presos foram assassinados. Em 27 de setembro, a 4ª Câmara Criminal do TJ anulou os julgamentos dos 74 policiais militares condenados em primeira instância. Ivan Sartori votou para que os policiais fossem inocentados.

clica