Direito Global
blog

A quase advogada Gloria Perez

Uma das mais importantes autoras de novelas do país, a acreana Gloria Maria Ferrante Perez, de 68 anos, é filha do ministro Miguel Ferrante – já falecido – do Superior Tribunal de Justiça. Mãe da atriz Daniella Perez, brutalmente assassinada em dezembro de 1992 pelo então ator da Tv Globo Guilherme de Pádua, Glória Perez tinha 15 anos quando a família trocou Rio Branco por Brasília.

Na capital federal, Glória cursou o colegial (Elefante Branco) e entrou para a UnB, onde cursou três anos de Direito, abandonando o curso em 1968, quando a universidade foi invadida por militares.

A tragédia que ocorreu com Daniella e o medo de que os réus fossem beneficiados pela justiça foi o que moveu a autora em uma campanha apoiada pela grande mídia que recolheu mais de um milhão de assinaturas, resultando na inclusão do homicídio na Lei dos Crimes Hediondos.

clica