Direito Global
blog

Defensoria sem Fronteiras

O mutirão Defensoria Sem Fronteiras começou a avaliar a situação jurídica de aproximadamente 5,6 mil presos da região metropolitana de Manaus. Inicialmente, os 75 defensores públicos federais e dos estados que fazem parte da comitiva trabalharão sobre os processos dos detentos. Na segunda semana, com o atendimento presencial dos internos e internas, os defensores e defensoras atuarão nas unidades penitenciárias. A meta da força-tarefa é analisar cerca de 10 mil processos de homens e mulheres já condenados ou que são presos provisórios.

clica