Direito Global
blog

Mulheres mortas diariamente

A Promotoria de Justiça de Defesa da Mulher de Belo Horizonte promoveu ato na capital mineira chamando a atenção para o número de mulheres mortas em todo o mundo. Somente no Brasil, 13 mulheres são assassinadas por dia, segundo o Altas da Violência 2016. Vestidos de preto, promotores de Justiça, servidores e outros integrantes da promotoria saíram à rua empunhando balões pretos representando a luta contra a violência doméstica, o estupro, o feminicídio.

O ato, segundo a promotora de Justiça Patrícia Habkouk, acompanha o movimento mundial “Nem uma a menos”, criado em 2016 como uma resposta à atual violência social, legal, política, moral e verbal vivida pelas mulheres. “Nós, que atuamos no sistema de Justiça e vemos diariamente a produção e a reprodução da discriminação e da violência contra a mulher, não poderíamos nos omitir”, afirmou promotora. “Estamos de preto em sinal de luto e protesto contra toda a violência”, completou.

clica