Direito Global
blog

Propina no presídio

O coordenador de Segurança do Conjunto Penal de Eunápolis (CPE), Sydiney de Aguiar Almeida, foi preso em flagrante em uma operação realizada pelo Ministério Público estadual da Bahia. Ele foi preso quando recebia R$ 5 mil de propina, cobrada para transferir um detento de uma ala para outra do CPE. Um mandado de busca e apreensão também foi cumprido na residência do coordenador de Segurança da unidade.

A operação resultou de um esforço conjunto das instituições envolvidas para coibir irregularidades no sistema penitenciário baiano. As diligências contaram com a participação da Inteligência Penitenciária e do Grupo de Operações Penitenciárias (GEOP), que integram a Seap.

clica