Direito Global
blog

Operação Caixa-Forte

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) realizou a operação Caixa-Forte, com o cumprimento de mandados de busca e apreensão em um endereço no município de São Paulo e outro em Belo Horizonte. A Operação deu continuidade às investigações referentes ao desvio de R$ 22.767.187,09 do Banco do Brasil, pelos administradores da transportadora de valores Embraforte.

A empresa de custódia e transporte de valores manteve, entre os anos de 2012 e 2013, contratos com o Banco do Brasil, inclusive de abastecimento de terminais de autoatendimento no estado. Os contratos foram encerrados quando o banco constatou que os abastecimentos feitos eram bem inferiores às quantias cadastradas no sistema eletrônico e que a empresa não possuía o valor em espécie que deveria estar armazenado na caixa-forte. No entanto, a empresa não restituiu os R$22.767.187,09 que estavam sob sua responsabilidade.

clica