Direito Global
blog

Golpe dos médicos

O Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), por meio da Promotoria de Justiça de Nova Venécia, denunciou uma nutricionista e quatro médicos sem especialização por crimes contra as relações de consumo e exercício ilegal da medicina. As irregularidades ocorreram em uma clínica no município, de propriedade da nutricionista. De acordo com a denúncia, os acusados realizavam publicidade enganosa na forma de panfletagem, cartões e redes sociais, afirmando que possuíam especialidades de endocrinologista, pediatra, neurologista, geriatra e reumatologista.

clica