Direito Global
blog

Petrobras vai ao STF

De acordo com a assessoria do TST, a Petrobras pode apresentar os chamados embargos declaratórios (recurso administrativo) ainda no tribunal. Além desse recurso administrativo, a empresa pode questionar a decisão no Supremo Tribunal Federal (STF). “A Petrobras está absolutamente confiante de que vai reverter essa decisão”, afirmou a gerente-executiva do Departamento Jurídico da empresa, Thaísa Maciel. Segundo ela, a decisão não provoca nenhum efeito imediato, econômico ou financeiro, à empresa.

clica