Direito Global
blog

Morte de funkeiro

A juíza Juliana Kalichsztein, do Juizado da Infância e da Juventude e do Idoso de Duque de Caxias (RJ), decidiu pela internação definitiva dos três adolescentes acusados de assassinar o funkeiro Paulo César da Silva, conhecido como MC G3, em agosto deste ano.

A medida socioeducativa prevê a internação por três anos. Eles já estão internados provisoriamente por decisão judicial. A juíza concluiu que “os atos foram praticados com extremas violência e crueldade, especialmente o latrocínio do MC”.

Na polícia, todos os adolescentes haviam confessado os atos infracionais (roubo majorado e latrocínio) com riqueza de detalhes. Mas em juízo, apenas um confessou parcialmente os atos. No processo, foram ouvidas sete testemunhas e as provas oral e documental foram claras no sentido da condenação dos adolescentes.

JAB

clica