Direito Global
blog

Operação Nascituro

O Ministério Público do Estado do Amazonas (MP-AM), por meio do GAECO (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) e com apoio da Polícia Civil, deflagrou a Operação Nascituro, que tem por objetivo o cumprimento de dois mandados de prisão temporária, contra o médico Antônio Cabede e sua esposa, por prática de abortos, e mandados de busca e apreensão em dois endereços do casal. A investigação teve início há cerca de 30 dias a partir de uma denúncia.

Cabede é ex-sócio do também médico Durval Herculano Carriço de Almeida, já falecido, que ficou conhecido por prática de abortos em Manaus. De acordo com as investigações do GAECO, ele mantém essa prática em clínicas, de sua propriedade, em Manaus e, possivelmente, no Rio de Janeiro.

clica