Direito Global
blog

Assassino de Camata

O acusado de matar ex-governador Gerson Camata, Marcos Venicio Moreira Andrade, de 66 anos, vai a júri popular. A decisão é assinada pelo juiz Felipe Bertrand Sardenberg Moulin, da 1ª Vara Criminal de Vitória. A sentença também decidiu pela manutenção da prisão preventiva de Marcos Venício.

Camata foi morto aos 77 anos, com um tiro. O crime aconteceu no dia 26 de dezembro de 2018, na Praia do Canto, em Vitória. O acusado é ex-assessor de Camata e confessou o assassinato. Ele foi detido horas depois do crime e segue preso no presídio de Viana. (G1)

clica