Direito Global
blog

Multa no Bradesco

O Procon-MG, órgão do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), multou o Banco Bradesco S/A em R$ 8.692.631,27 por irregularidades constatadas no Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC) da instituição financeira. A condenação ocorreu em processo administrativo instaurado pelo Procon-MG.

Fiscalização feita pelo órgão de defesa do consumidor constatou que o Bradesco se recusou a receber e processar pedidos de cancelamento de serviços por meio de canal único e recusou ou dificultou a entrega de cópia de gravação das chamadas efetuadas para o SAC da instituição, entre os anos de 2012 a 2019.

De acordo com o Procon-MG, os pedidos de cancelamentos de cartões vinculados a lojas parceiras devem ser processados por meio do mesmo canal de atendimento, o que não ocorreu com o banco Bradesco.

A decisão também se fundamenta em mais de 65 mil reclamações de consumidores relacionadas a problemas no SAC do banco Bradesco, que foram registradas no Sistema Nacional de Informações de Defesa do Consumidor (Sindec). O Sindec é usado por Procons de todo o país.

clica