Direito Global
blog

Ruas do Leblon, homenagem ao STF

O bairro do Leblon, que no dia 26 de julho completa 101 anos, faz divisa com a Gávea, a Lagoa, Ipanema e o Vidigal, tem ruas cujos nomes são de ministros que atuaram no Supremo Tribunal Federal (STF) ao longo de sua história: Avenida Ataulpho de Paiva, rua José Linhares e rua Ribeiro da Costa.

Sao eles:

Ataulpho Napoles de Paiva nasceu em 1º de fevereiro de 1865, em São João Marcos, província do Rio de Janeiro. Em decreto de 5 de março de 1934, foi nomeado ministro do STF na vaga decorrente da aposentadoria do ministro Firmino Antonio da Silva Whitaker Filho; Foi aposentado em decreto de 16 de dezembro de 1937.

José Linhares, cearense, nomeado em decreto de 16 de dezembro de 1937 ministro do Supremo Tribunal Federal, preenchendo a vaga ocorrida com a aposentadoria de Ataulpho Napoles de Paiva, nome da rua central do bairro. Foi eleito, em sessão de 2 de fevereiro de 1946, para a Presidência, correspondente ao triênio 1946/1949 . Posteriormente, foi eleito novamente Presidente da Corte, em sessão de 2 de maio de 1951, sendo empossado na mesma data, e reeleito em 28 de abril de 1954, permanecendo no cargo até 29 de janeiro de 1956, quando aposentado por implemento de idade. Faleceu em 26 de janeiro de 1957, na cidade de Caxambu, Minas Gerais.

Álvaro Moutinho Ribeiro da Costa nasceu no Rio de Janeiro em 16 de janeiro de 1897, vindo a falecer, também no Rio, em 16 de julho de 1967. Formou-se na Faculdade de Direito do Rio de Janeiro, em 1918. Foi nomeado ministro do STF em 1946, tornou-se presidente da Corte em 1963.

clica