Direito Global
blog

Ronaldinho Gaúcho é liberado

O juiz paraguaio Gustavo Amarilla autorizou hoje (24), em audiência preliminar, que Ronaldinho Gaúcho e seu irmão Roberto de Assis Moreira deixem a prisão domiciliar no Paraguai e retornem ao Brasil. O ex-jogador e Assis foram presos em Assunção no início de março por terem usado passaportes com conteúdo falso para entrar no Paraguai.

Eles passaram pouco mais de um mês detidos em um quartel da polícia nos arredores de Assunção e quatro meses em prisão domiciliar em um hotel no centro da capital paraguaia.

clica