Direito Global
blog

Senador 69 é de Recife

Apesar de representar o estado de Roraima no Congresso Nacional, o senador afastado por 90 dias Francisco Rodrigues, mais conhecido como Chico Rodrigues, é nascido em Recife, no estado de Pernambuco, em 23 de abril de 1951. Portanto, está com 69 anos. Sua família ainda reside na capital pernambucana. O senador foi preso pela Polícia Federal com R$ 30 mil escondidos dentro das calças, mais precisamente no bumbum.

Engenheiro Agrônomo formado pela Universidade Federal Rural de Pernambuco em 1975, é especialista em desenvolvimento rural e urbano pela Universidade Católica de Pernambuco e pela Organização dos Estados Americanos, fez o curso de Descentralização Política e Federalismo em Berlim e Dresden, Alemanha. Extensionista da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (EMATER) no Mato Grosso do Sul e em Pernambuco fez cursos de Política de Desenvolvimento Rural, em Petrolina e de extensão rural no Recife. Durante o governo Marco Maciel foi coordenador estadual do Projeto Sertanejo e diretor-técnico da Companhia de Sementes e Mudas de Pernambuco.

Após migrar para Roraima foi Secretário de Agricultura no governo de Arídio Martins de Magalhães (1983-1985) além de diretor da Escola Agrotécnica de Roraima e coordenador estadual da Comissão de Planejamento Agrícola. Filiado ao PMDB foi eleito vereador em Boa Vista em 1988 migrando para o PTB no ano seguinte. Eleito deputado federal em 1990, votou a favor do impeachment do presidente Fernando Collor em 29 de setembro de 1992. Reeleito em 1994 migrou sucessivamente para o PPB e para o PFL antes de retornar ao PTB, legenda pela qual se reelegeu em 1998 e da qual sairia para voltar ao PFL por onde conquistaria novos mandatos em 2002 e 2006.

Com o surgimento do DEM em 28 de março de 2007 foi seu vice-líder na Câmara dos Deputados e por esta legenda foi eleito vice-governador de Roraima na chapa de José de Anchieta Júnior em 2010 renunciando ao seu mandato parlamentar poucas horas antes da posse no executivo. Com a renúncia do titular assumiu o governo do estado pelo PSB.

Disputou as eleições de 2014 e foi derrotado no 2º turno. Após a derrota, teve seu mandato cassado por decisão do Tribunal Regional Eleitoral de Roraima no dia 1º de dezembro, por causa de gastos irregulares da chapa da qual era vice na eleição de 2010. Em seu lugar, no dia seguinte, tomou posse o presidente da Assembleia Legislativa de Roraima, Chico Guerra (PROS).

No dia 29 de setembro de 2015, Chico Rodrigues se filiou ao PSDB. A solenidade de filiação foi acompanhada pelo presidente do PSDB nacional, Aécio Neves e pelo ex-governador de Roraima, José de Anchieta Júnior. De volta ao DEM, foi eleito Senador no estado de Roraima, nas Eleições Gerais de 2018, no dia 07 de outubro de 2018, com 111.318 votos, o equivalente a 22,75% dos votos válidos.Assumindo o cargo a partir do dia 1º de fevereiro de 2019.

O senador Chico Rodrigues já pertenceu aos seguintes partidos na sua trajetória política:

Partido PMDB (1987-1989)
PTB (1989-1995)
PPB (1995-1997)
PFL (1997)
PTB (1997-1999)
PFL (1999-2007)
DEM (2007-2012)
PSB (2012-2015)
PSDB (2015-2017)
DEM (2017–presente)

clica