Direito Global
blog

Municípios na penúria

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), resolveu mexer em um vespeiro: apelar ao desprendimento e ao patriotismo do Congresso para resolver o grave problema do peso das câmaras municipais para os cidadãos que as sustentam.

Em São Paulo, por exemplo, o Estado mais rico, segundo o Tribunal de Contas, 36 municípios não arrecadam o suficiente nem para pagar seus vereadores, que servem para dar nomes a ruas, distribuir títulos de cidadão honorário e atormentar os prefeitos. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

No País, centenas de municípios talvez milhares, são submetidos à mesma penúria de trabalhar para pagar os altos salários dos vereadores.

Zema cita exemplos de países como os EUA, onde grupos de cidades compartilham em condados estruturas como o legislativo dos municípios.

A legislação, criada por parlamentares que nos fazem pagar seus cabos eleitorais, determina um mínimo de 9 vereadores para cada município.

clica