Direito Global
blog

Vagas de ministros no STF

Durante o seu mandato de presidente da República, Jair Bolsonaro terá o direito constitucional de nomear dois ministros para o Supremo Tribunal Federal (STF). A primeira vaga surgiu no final do ano passado com a saída do ministro Celso de Mello por atingir a idade-limite de 75 anos. Foi nomeado o ministro Kássio Nunes. Agora em julho, surgirá a segunda vaga com a aposentadoria do atual decano, ministro Marco Aurélio Mello.

Se disputar a reeleição no final do próximo ano e sair vitorioso do pleito, Bolsonaro terá o direito de escolher e nomear para dois ministros para o STF.  Em caso contrário, o seu sucessor é que terá o direito. Vão se aposentar por atingir o limite de idade constitucional de 75 anos,  os seguintes ministros: Ricardo Lewandowski, em maio de 2023 e Rosa Weber em outubro do mesmo ano. Rosa Weber irá deixar o STF durante o seu mandato de presidente da Corte. Atualmente, ela é a vice-presidente do STF.

Fux, atual presidente, tomou posse em setembro de 2020 e permanecerá. no cargo até setembro de 2022, quando será substituído pela sua atual vice-presidente.

clica