Direito Global
blog

Ex-prefeito morre no prédio do TCU

O ex-prefeito de Teresina, Firmino Filho (PSDB), foi encontrado morto na tarde hoje (6) na zona Leste de Teresina. O ex-prefeito teria caído do 14º andar do edifício Manhattan River Center, na rua Senador Arêa Leão, onde funciona o Tribunal de Contas da União (TCU), local em que o ex-gestor trabalhava. A filha do ex-prefeito esteve no local e reconheceu o corpo.

Formado em economia, foi prefeito entre 1997 e 2004, no primeiro mandato. Foi eleito para o terceiro mandato em 2012, igualando-se em número de mandatos a Raimundo Wall Ferraz e reeleito nas eleições de 2016 ainda no primeiro turno das eleições na capital piauiense.

A primeira pessoa que encontrou o corpo de Firmino, que não quis se identificar, disse que jamais vai esquecer a cena. Ela relatou um barulho muito forte e saiu para ver o que tinha ocorrido. “Jamais vou esquecer. Estou em choque”, disse

A filha Bárbara foi quem reconheceu o corpo do pai. Ao chegar no local, a área já estava isolada. Ela precisou ser amparada. Firmino deixa a esposa Lucy Soares, deputada estadual, e os filhos Bruno, Bárbara e Cristina Soares.

Ao comentar a morte prematura do ex-prefeito de Teresina, o juiz federal e ex-presidente da Associação dos Juízes Federais (Ajufe) disse que “conheci Firmino Filho na infância quando estudamos no Colégio Diocesano. Depois, quando fui Diretor do Foro da Seção Judiciária do Piauí, ele era Prefeito de Teresina. Fiquei muito entristecido com a notícia de seu falecimento. Uma grande perda. Deus dê forças e conforte a família neste momento de dor”.

clica