Direito Global
blog

Operação Febo em Guarulhos

A Polícia Federal deflagrou hoje (20) a Operação Febo, com o cumprimento de um mandado de busca e apreensão em Guarulhos/SP, para investigar a disseminação de pornografia infantojuvenil. O nome da operação – FEBO – faz menção a um dos filhos do deus grego Zeus, tendo em vista ser um desdobramento da ação da Polícia da Espanha denominada Operação Zeus, de 2020.

As investigações iniciaram com dados encaminhados pela polícia espanhola, na chamada Operação Zeus, desencadeada em 2020, que identificou quatro usuários brasileiros que estariam disseminando conteúdo de exploração sexual infantojuvenil por meio da internet. Nas buscas realizadas, foram apreendidos dois HDs, um celular e dois pen drives. Os aparelhos foram apreendidos e enviados para perícia técnica.

Após a análise dos aparelhos, se encontrado algum material de abuso infantil, o suspeito responderá pelo crime de posse de pornografia infantil, crime apenado com até 4 anos de reclusão; e, se confirmado que houve publicação do conteúdo pornográfico na internet, o indivíduo responderá por conduta ainda mais gravosa, a de divulgação de pornografia infantojuvenil, crime apenado com até 6 anos de reclusão.

clica