Direito Global
blog

Vizinho mata filho de desembargador

O filho do desembargador Júlio César Lorens, do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, Júlio César Lorens Júnior foi morto a facadas por um vizinho na capital mineira. Julio tinha 28 anos e vivia em Belo Horizonte com a esposa, Alessandra Aline, e três gatos. “Em nome do Poder Judiciário, o presidente Gilson Lemes expressa solidariedade e condolências pela irreparável perda a familiares e amigos”, diz a nota do TJ mineiro. Formado pela PUC Minas, ele lecionava História Geral no cursinho pré-vestibular Hexag Medicina. Júlio foi morto em decorrência de facadas desferidas por seu vizinho de cima, de 67 anos. O homem está preso e não teve sua identidade divulgada. A confusão foi motivada por causa de barulho de uma obra.

clica