Direito Global
blog

Centenário da primeira travessia aérea do Atlântico

Como parte das comemorações do bicentenário da Independência, os Correios lançaram um selo que celebra o centenário da primeira travessia aérea do Atlântico Sul, no percurso Lisboa/Recife e Rio de Janeiro, protagonizado por dois oficiais da Marinha portuguesa, os comandantes Artur de Sacadura Freire Cabral e Carlos Viegas Gago Coutinho. Na ocasião, mais de quatro mil milhas foram percorridas em 60 horas em um hidroavião, um feito inédito.

Inicialmente a bordo do hidroavião “Lusitânia”, o deslocamento aconteceu entre os dias 30 de março e 17 de junho de 1922. Para o percurso, além do Lusitânia, foram utilizadas mais duas aeronaves devido a problemas técnicos e percorridas 4527 milhas em 62 horas e 26 minutos sobre o Oceano Atlântico. O feito aeronáutico é visto pelos portugueses como uma importante colaboração de Portugal para o desenvolvimento da segurança na navegação aérea em todo o mundo.

O ex-presidente do Instituto Arqueológico, Histórico e Geográfico de Pernambuco (IAHGP), advogado Silvio Tavares de Amorim (OAB-PE 07906) participou da cerimônia na capital pernambucana.

No Rio de Janeiro, Gago foi homenageado com o nome de uma rua no bairro das Laranjeiras. Sacadura Cabral é uma rua que cruza os bairros da Gamboa e da Saúde, situados na zona central da cidade.

clica