Crimes leves

Devido ao massacre ocorrido na Penitenciária Agrícola (Pamc), que deixou ao menos 33 mortos, o juiz da vara de execução penal Marcelo Lima de Oliveira, decidiu e liberou para prisão domiciliar 161 detentos do Centro de Progressão Penitenciária (CPP) em Boa Vista, Roraima, por considerar que o local era inseguro para os presos e para os agentes que trabalham no local. Sobre o assunto o presidente da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe) Roberto Carvalho Veloso explicou:

Veja mais

Monstros do crime

Para o juiz Antonio Dantas de Oliveira Junior, da 2.ª Vara Criminal e de Execução Penal do Tocantins, os ‘cárceres brasileiros transformam pequenos delinquentes em monstros do crime’. Desde julho de 2016, o magistrado se empenha para que seja regularizado o abastecimento de água da Unidade Prisional da Barra da Grota, presídio sob administração da…

Veja mais

Prisão domiciliar

A Justiça Estadual em Roraima concedeu o benefício de prisão domiciliar para 161 detentos do Centro de Progressão Penitenciária, onde cumpriam pena em regime semiaberto. Eles estarão desobrigados de dormir na cadeia e deverão ficar em casa até o dia 13 de janeiro.

Veja mais

Mutirão carcerário

Todas as Varas Criminais – Comuns e Especializadas -, do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), estarão realizando a partir desta semana um mutirão carcerário para análise e avaliação da situação dos presos provisórios da capital e interior. A intenção é proporcionar maior celeridade processual em relação ao caso desses detentos e com isso reduzir o clima de tensão existente hoje nas unidades prisionais, após as rebeliões dos últimos dias e com mortes de presos.

Veja mais