Ana Nery, a juíza

O jornalista, escritor e político Sebastião Nery, de 85 anos – baiano de Jaguaquara – tem uma filha, Ana Rita de Figueiredo Nery que é juiza de direito do Tribunal de Justiça de São Paulo. Formada em Direito pela conceituada Universidade de São Paulo (USP), chegou ao Judiciário ao passar em primeiro lugar no 182…

Veja mais

Mais 15 anos de cadeia

A Justiça Federal do Rio condenou hoje (19) pela quarta vez o ex-governador do Rio, Sérgio Cabral Filho (PMDB), ne. Na decisão, relativa à Operação Eficiência, Cabral foi sentenciado a mais 15 anos de prisão por lavagem de dinheiro. Somadas todas as condenações até agora, o peemedebista tem 87 anos de pena a cumprir. O ex-governador responde a outras treze ações penais nas quais ainda não houve sentença.

Veja mais

Operação Calabar

A juíza da Auditoria da Justiça Militar do Rio de Janeiro, Ana Paula Monte Figueiredo Pena Barros, decidiu nesta segunda-feira que 32 acusados de receber propina do tráfico, que chegaria a R$ 1 milhão por mês, além de venda de armas para 41 comunidades de São Gonçalo, vizinha de Niterói, vão poder cumprir a prisão em casa. Entre os beneficiados estão 10 policiais militares envolvidos na Operação Calabar.

Veja mais

As mulheres na advocacia

O Brasil tem no dia de hoje um total de 511.451 mil advogadas. Segundo o presidente do Sindicato dos Advogados do Estado do Rio de Janeiro, Myrthes Gomes de Campos foi a primeira mulher a exercer a advocacia no Brasil e, de 1924 a 1944. Ela trabalhou no Tribunal de Apelação do Distrito Federal, localizado no Rio de Janeiro, então capital do Brasil. De lá pra cá, elas ocuparam as faculdades de Direito e atualmente representam 48% da advocacia brasileira credenciada pela Conselho Federal da OAB.

Veja mais