Direito Global
blog

Eduardo Cunha não sai

Prestes a ser denunciado pela Procuradoria-Geral da República, o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, descarta possibilidade de se afastar do cargo mesmo se for encaminhado à Justiça por envolvimento na Operação Lava Jato; “A eventual denúncia, se ocorrer, terá de ser apreciada pelo plenário do STF. Não cogito qualquer afastamento”; o Planalto tem esperança de que a denúncia seja feita de fato ao STF, para frear o peemedebista, que desde que foi eleito para o cargo, em fevereiro último, tem articulado derrotas significantes para o governo na Câmara.

clica