Direito Global
blog

Transexual humilhada

Após ser presa durante uma operação policial em sua residência, por suposto porte de armas e drogas, uma transexual moradora de Viana (ES) será indenizada em R$ 30 mil pelo Estado por conta das supostas humilhações que ela teria sofrido durante sua prisão e o período em que esteve no presídio. À época dos fatos, em 2011, a requerente teria acabado de passar por uma cirurgia de mudança de sexo, e estava em fase de recuperação do procedimento.

O material encontrado na casa, segundo a requerente, pertencia à cuidadora de sua mãe, motivo pelo qual ficou surpresa com a abordagem dos policiais. Segundo as informações do processo, os constrangimentos sofridos pela requerente teriam começado quando ela ainda estava na delegacia, uma vez que, por conta da forma como foi abordada em sua casa, não teve tempo de pegar todos os seus pertences, levando consigo apenas os documentos pessoais em que ainda constava como sendo do sexo masculino, motivo pelo qual teria começado a passar por várias situações vexatórias.

clica