Direito Global
blog

O juiz e o Projeto Rondon

A corregedora nacional de Justiça do CNJ, a gaúcha Nancy Andrigui participou, em Manaus, da cerimônia de entrega do título de Cidadão Amazonense ao seu conterrâneo e juiz do Tribunal de Justiça do Amazonas, Cézar Bandiera. Em seu pronunciamento, Cézar Bandiera fez uma retrospectiva de sua trajetória no Amazonas, que teve início nos anos 1980, através do projeto Rondon.

“Conheci o meu Amazonas bem jovem, quando estudante do curo de Direito da PUC-RS participando do Projeto Rondon, no campus avançado do Alto Solimões, em Benjamin Constant. Foi paixão, amor e deslumbramento com a grandiosidade daquele lugar, somada à visão de sua gente humilde e carente”, revelou o juiz.

Eu fiz minha escolha. Atravessei o Brasil, do Rio Grande do Sul para o Norte, chegando ao Amazonas, região pela qual me apaixonei e escolhi para fixar raízes e criar família”.
Bandiera é casado com a presidente do TJ do Amazonas,
desembargadora Graça Figueiredo.

clica