Direito Global
blog

Denuncia caluniosa

A jovem Veluma Lara, que acusou o segurança Wellington Monteiro de tê-la estuprado no estacionamento de uma festa de réveillon, virou ré por denunciação caluniosa na Oitava Vara Criminal de Brasília. O Tribunal de Justiça do Distrito Federal aceitou a denúncia do Ministério Público do DF e deu prazo de dez dias para a denunciada responder à acusação.

Em janeiro último, a jovem de 24 anos usou as redes sociais para relatar um suposto estupro em que havia sido vítima. Em um longo texto, acusou o segurança da festa, dono da empresa que fez a segurança do evento, de tê-la levado para o estacionamento e praticado o crime. Segundo ela, no dia seguinte percebeu o que havia acontecido e contou para os pais.

Ainda de acordo com o relato, ela foi ao hospital tomar remédios e depois foi à Delegacia Especial de Atendimento à Mulher, que começou a investigar o caso. O segurança, desde o início, sempre negou ter estuprado a jovem e disse que o sexo foi consentido.

clica